Como gerar a informação do eSocial

Por tudo que foi exposto nos posts anteriores você deve já ter percebido que para o pleno atendimento ao eSocial necessita-se de um sistema. A escolha de uma ferramenta adequada para a organização e a geração das informações é fundamental. Outro requisito importante é a facilidade de se integrar com sistemas de diversos fornecedores, seja através de troca manual de arquivos ou automatizada via webservices (serviços web), uma grande vantagem observada nas soluções 100% web. Essa integração se faz necessária, pois os principais geradores de informação (cada um em sua área) terão que executar um trabalho colaborativo, para que as exigências legais sejam atendidas em sua plenitude.

O software que irá gerar os dados para o ambiente do eSocial, deverá possuir todos os campos exigidos para os eventos de SST. Os fluxos operacionais de sua empresa deverão ser revisados para que sejam inclusas essas informações, a fim de facilitar o preenchimento desses campos dentro do sistema. Exemplo disso, é a identificação do trabalhador, que passa a ser dada pelo CPF, NIS (Número de Identificação Social) e matrícula. O par CPF x NIS identifica o trabalhador e a matrícula o seu vínculo empregatício. Se você não levantar essas informações e atualizar seus cadastros, ficará impossibilitado de transmitir os eventos para o eSocial.

Após o registro das informações de SST, o usuário do sistema deverá conseguir gerar os eventos necessários e compartilhar com os interessados de forma segura, seguindo os layouts (xml) divulgados pelo governo. Escritórios de contabilidade deverão ter acesso aos dados de SST das empresas atendidas por eles, pois na maioria das vezes são eles quem realizarão a transmissão dos arquivos ao ambiente eSocial. Empresas com sistema próprio (ERP) também necessitarão buscar esses arquivos gerados para que sejam transmitidos ao ambiente nacional.

O eSocial não será optativo, mas sim obrigatório. Será considerado um importante avanço para a racionalização de tempo. Exigirá mudanças nos fluxos de trabalhos atuais e investimento por parte das empresas. Facilitará a fiscalização por parte do Governo e na aplicação de multas.

É importante que sua empresa inicie o quanto antes a se preparar para atender ao eSocial. Essa preparação exige tempo e investimento, não sendo possível deixar para o último momento. Quanto antes sua empresa começar a preparação maior será a chance de ter sucesso. Estamos em permanente evolução e comprometidos em oferecer a melhor solução eSocial SST. Se desejar mais informações visite nosso site.

Esperamos que o conteúdo tenha sido útil!

Até a próxima, um abraço da equipe SGG!

4 comentários em “Como gerar a informação do eSocial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *